02/09/2009

Construção discute cenários prospectivos para os negócios

Após um quarto de século de baixo dinamismo, a economia brasileira e, consequentemente, o setor da construção civil, comemoram um cenário de oportunidades, que podem ser desperdiçadas com a lentidão e falta de vontade política quanto às reformas estruturais no País.

Est√° foi mensagem do economista do Sinduscon-RS, Marco T√ļlio Kalil Ferreyro, durante palestra realizada na sede do Sindicato no dia 10 de agosto. Na abertura do evento, o presidente do Sinduscon-RS, Carlos Alberto Aita, enfatizou que ap√≥s o advento da crise de mercados mundial, no √ļltimo trimestre de 2008, o momento hoje √© de reativa√ß√£o dos neg√≥cios.

¬†Refor√ßou a participa√ß√£o importante da atividade da constru√ß√£o civil nas oportunidades e desafios resultantes de programas governamentais como Minha Casa, Minha Vida, o Programa de Acelera√ß√£o do Crescimento (PAC) e a Copa de 2014. Esta retomada far√° com que nossas empresas possam cumprir com uma de suas grandes fun√ß√Ķes que √© a gera√ß√£o de postos de trabalho e o aprimoramento da infraestrutura nas cidades indispens√°vel √† melhoria da qualidade de vida da popula√ß√£o".

Voltar